Seja Bem vindo! Faça o seu pedido Online! Login | Cadastre-se

Perguntas Frequentes

  1. O que é um produto orgânico?
  2. Qual a diferença entre produção orgânica e convencional?
  3. Orgânico é o mesmo que hidropônico?
  4. Quais os benefícios dos alimentos orgânicos para a saúde humana?
  5. Quais os benefícios dos alimentos orgânicos para o meio ambiente?
  6. Como ter certeza de que realmente é orgânico?
  7. Porque o produto orgânico é mais caro que o convencional?
  8. Que produtos vocês têm?
  9. Porque a disponibilidade de produtos varia muito ao longo do ano?
  10. Como é composta a cesta?
  11. Em que cidades vocês entregam?
  12. Quais os dias de entrega?
  13. Em alguns bairros a entrega é feita na portaria?
  14. Qual é a forma de pagamento?
  15. Onde fica o Sítio A Boa Terra?
  16. Os produtos são todos cultivados no Sítio?
  17. Como devo fazer se o produto não chegar com boa qualidade?
  18. O que é necessário para ser um distribuidor do Sítio A Boa Terra?

01- O que é um produto orgânico?

Um produto chamado orgânico significa que foi produzido sem o uso de agrotóxicos e de adubos químicos. Mas na verdade é muito mais do que isso.

A produção orgânica envolve o conceito de produção socialmente e ecologicamente correta. Para receber o selo orgânico, o produtor tem que atuar totalmente na legalidade, deve ter todos seus funcionários registrados, ter alvará da vigilância sanitária e certificação ambiental. A água usada para lavar as verduras deve ser potável, a mata ciliar deve ser recuperada para proteger córregos e nascentes e as queimadas são proibidas.

Com isso, garante-se que os produtos consumidos são saudáveis e sua produção promove a melhoria das condições sociais e ambientais. Para saber mais, consulte em nosso site o artigo "Um Brasil melhor” na categoria Cestas/Certificação.

02- Qual a diferença entre produção orgânica e convencional?

A principal diferença se refere à concepção.

A agricultura convencional prioriza a quantidade produzida, em detrimento da qualidade. Para alcançar maior produtividade, aplica-se quantidades enormes de produtos químicos e tóxicos, em grandes monoculturas. Usa-se inseticidas para matar os insetos, fungicidas para combater fungos, herbicidas para acabar com o mato e adubos químicos para forçar uma produção maior da terra. Ou seja, acaba-se com a diversidade da vida e da Natureza e, como conseqüência, o solo empobrece e obtêm-se alimentos com agrotóxicos e com menos vitalidade.

A agricultura orgânica prioriza a qualidade, promovendo a saúde da terra e, conseqüentemente, do ser humano que produz e consome os produtos. Usa-se técnicas naturais de combate às pragas, técnicas manuais de combate ao mato e adubo orgânico (sem processamento químico). Usa-se a biodiversidade natural a favor da produção agrícola, deixando que a própria Natureza trabalhe junto com o ser humano. Como conseqüência obtêm-se alimentos saudáveis, com mais vitalidade e mantêm-se a saúde do solo.

03- Orgânico é o mesmo que hidropônico?

Existe muita confusão a respeito de verduras produzidas no sistema hidropônico. As plantas que normalmente são produzidas em terra, no caso do hidropônico crescem em água misturada com adubos artificiais e altamente solúveis. O critério de escolha do adubo é baseado em crescimento rápido da planta e o número de elementos nutritivos é pequeno, no máximo 14. Então a alface produzida no sistema hidropônico é pobre em sais minerais e alimenta pouco.

A alface produzida no sistema orgânico recebe adubo natural e integral. Estes adubos naturais têm um número grande de elementos que podem chegar a até 50. Então estas plantas têm uma riqueza incrível de sais minerais e vitaminas. Isso explica também o sabor mais delicioso das verduras orgânicas.

Além disso, verduras hidropônicas podem ser pulverizadas com agrotóxicos, tais como inseticidas e fungicidas, o que torna o consumo até perigoso.

Para saber mais, consulte em nosso site o artigo “Hidropônico” na categoria Agrotóxicos.

04- Quais os benefícios dos alimentos orgânicos para a saúde humana?

Por serem produzidos sem o uso de adubos químicos e agrotóxicos, os orgânicos preservam as qualidades nutricionais dos alimentos, trazendo ao ser humano a riqueza, o equilíbrio e a saúde da Natureza.
Pesquisas feitas com nossos clientes apontaram que há muitos casos de melhoria da saúde. Os casos principais são de maior resistência a resfriados e outras doenças, menor incidência de alergias e melhoria no sistema digestivo em geral.
Além disso, percebe-se um maior vigor nas pessoas que se alimentam com orgânicos. Uma pesquisa dinamarquesa, publicada na Folha de São Paulo em junho de 1994, indica que os homens que evitam alimentos com pesticidas e aditivos químicos produzem quase o dobro de espermatozóides que homens que não os evitam.

05- Quais os benefícios dos alimentos orgânicos para o meio ambiente?

Com relação ao meio ambiente, os benefícios também são grandes. Pássaros e animais são preservados por não comerem sementes tratadas com agrotóxicos e não há matança de peixes através da contaminação da água. A vida do solo é estimulada com insumos pró-bióticos e não eliminada com antibióticos. A biodiversidade de plantas e animais também é enriquecida e não eliminada através do uso intensivo de herbicidas e monoculturas. Além disso, não há mutações de plantas como aconteceu com os transgênicos, contaminando centenas de variedades nativas de milho no México e no Peru, e de colza (um tipo de nabo) no Canadá.

06- Como ter certeza de que realmente é orgânico?

A melhor certeza é o consumidor conhecer e visitar regularmente os produtores, conhecer os campos de produção, estudar a agricultura orgânica e fazer perguntas. Seria interessante também visitar campos de produção convencional. A consciência só ganha com isso. O Sítio A Boa Terra edita semanalmente o informativo “Vida Saudável” e mantêm muitas informações no site www.aboaterra.com.br, com o intuito de ajudar os consumidores neste sentido. Com o aumento da distância entre produtor e consumidor, surgiu a necessidade de terceirizar as “visitas de inspeção” para garantir (certificar) a qualidade. Existem duas formas de certificação, a vertical e a horizontal. Na certificação vertical, uma instituição especializada é credenciada para inspeção e certificação, como o Instituto Biodinâmico (IBD), a AOCert e mais 30 outras atuando no Brasil. Normalmente a inspeção é feita uma vez por ano e de vez em quando pode se fazer uma inspeção surpresa. No caso da certificação horizontal, um grupo de agricultores orgânicos se organiza para se ajudarem mutuamente e, através de visitas regulares, verificam a produção de cada membro do grupo. Os consumidores também tomam parte nas visitas. Para casos de abusos ou dúvidas, existe uma comissão de ética. Esse sistema existe muito nos estados do Sul do Brasil. Para saber mais, consulte em nosso site o artigo “Certificação Participativa” na categoria Cestas/Certificação (www.aboaterra.com.br/artigos/?id=209). Veja também outros artigos na mesma seção: “Rede Ecovida de Agroecologia”, “inspeção e certificação” e “Certificação de Produtos Orgânicos”

07- Porque o produto orgânico é mais caro que o convencional?

Os principais fatores para a diferença de preços encontrada hoje entre os produtos orgânicos e os convencionais são:

a) Produção menor: Em geral, a produtividade da agricultura convencional é maior do que a orgânica, pois se utiliza adubos químicos que forçam uma maior produção da terra. Em alguns casos, como a batata por exemplo, a produção por hectare do convencional é o dobro do que no orgânico.

b) Maior utilização de mão-de-obra: Na agricultura orgânica não se usa herbicidas para eliminar as ervas daninhas, com isso exige maior utilização de mão-de-obra para controlar o mato..

c) Preço dos produtos convencionaisl abaixo do custo: A comercialização em larga escala e super competitiva dos produtos convencionais, feitas pelas grandes redes de supermercados, aliada a super oferta (excesso) dos produtos convencionais da agricultura devido ao uso intensivo de herbicidas e à mecanização , leva a uma forte redução de preços. Assim o valor pago aos produtores fica, muitas vezes, abaixo do custo. Com isso, temos preços falsos dos produtos convencionais (baratos demais) e cada vez mais pequenos produtores convencionais deixando de produzir.

d)No caso dos orgânicos, ainda temos a questão de que a margem dos supermercados sobre os mesmos é bem mais alta do que a aplicada aos produtos convencionais.

e) Mercado consumidor ainda restrito: Outra questão que pode favorecer uma redução gradual dos preços dos orgânicos é o aumento do mercado consumidor. Ou seja, quanto mais pessoas começarem a consumir os orgânicos, aumenta-se a área produzida e assim baixam-se os custos.

08- Que produtos vocês têm?

O Sítio A Boa Terra entrega cestas de legumes, verduras e frutas orgânicas semanalmente em domicílio. Além das cestas ofertamos também os produtos avulsos, para o cliente montar sua própria cesta. Temos uma grande variedade de frutos, grãos, raízes, temperos, folhas, ervas e frutas. Temos também uma linha cada vez maior de produtos secos como arroz, feijão, café, leite, açúcar, geléias, sucos, molho de tomate, ovos e farinhas, produtos de padaria e laticínios .

09- Porque a disponibilidade de produtos varia muito ao longo do ano?

Verduras gostam de temperaturas entre 15 e 25 graus. Quando as temperaturas sobem no verão para acima de 30 graus, o crescimento diminui, as doenças aumentam e a produção cai. Quem pode, planta em lugares mais altos (cada 100m a mais, a temperatura cai 1 grau). Além disso, no verão aumentam também as chuvas, criando condições ideais para o surgimento de fungos e bactérias. Então, de todo jeito a produção cai nos meses de dezembro a abril. Nos meses mais amenos também pode ocorrer de termos falta de algum produto. Neste caso os problemas estão sempre relacionados a quatro fatores principais: geadas, chuva de granizo, falta de planejamento .

Caso falte algum produto, avisamos com antecedência os clientes por e-mail.

10- Como é composta a cesta?

A cesta é montada com 10 produtos, procuramos sempre enviar 1 tipo de tempero, de 2 a 3 verduras de folhas, de 1 a 2 variedades de frutas e complementada com legumes. A composição da cesta varia de 40% a 50% a cada semana, dependendo da disponibilidade dos produtos.

11- Em que cidades vocês entregam?

Entregamos, em domicílio nas seguintes cidades: São PauloAguaíAmericanaArtur NogueiraCampinasCasa BrancaConchal CosmópolisCotiaEngenheiro CoelhoGuarujá e Bertioga,GuarulhosHolambraHortolândia ItobiJundiaíLimeiraMococa
Mogi Guaçu Mogi-MirimOsascoPaulíniaPraia GrandeRibeirão Preto,Santa Cruz das PalmeirasSantosSão José do Rio Pardo,
 São Vicente SorocabaTambaúVargem Grande do Sul

12- Quais os dias de entrega?

As entregas em São Paulo são feitas na terça e quarta-feira, dependendo do seu bairro.
Em Ribeirão Preto e Mococa as entregas são de quarta-feira.
Ao fazer o seu cadastro e pedido aparecerá o dia que será entregue. Se preferir, pode entrar em contato conosco pelo telefone (19) 3647-1321 ou 3647-1355 para mais informações.

13- Em alguns bairros a entrega é feita na portaria?

Sim, dependendo do bairro entregaremos de madrugada, deixando na portaria. Assim que fizer seu pedido, avisaremos como será feita a entrega.

14- Qual é a forma de pagamento?

O pagamento da primeira compra deve ser a vista. Já os demais podem ser no ato da entrega, através de boleto ou transferência bancária.

15- Onde fica o Sítio A Boa Terra?

O Sítio A Boa Terra fica no interior de São Paulo, na estrada que vai de Casa Branca a São José do Rio Pardo (SP 350), no quilômetro 245, próximo ao município de Itobi.

16- Os produtos são todos cultivados no Sítio?

Devido a variações climáticas, alguns produtos são mais propícios para regiões mais amenas, outros para regiões mais quentes. Por isso, alguns produtos são produzidos em nossa região: na própria área do Sítio, em uma outra área próxima um pouco mais alta e em alguns outros sítios ou fazendas da região que já tenham certificado orgânico. Mas certos produtos, que necessitam de um clima diverso do nosso (principalmente frutas), vêm de outras regiões, alguns do Sul, outros até do Nordeste.

17- Como devo fazer se o produto não chegar com boa qualidade?

Você deve entrar em contato conosco imediatamente nos informando. Trabalhamos com o sistema de reposição de produtos, que será efetuado no próximo pedido. Nosso telefone é (19) 3647-1321/ 3647-1355 ou e-mail pedido@aboaterra.com.br

18- O que é necessário para ser um distribuidor do Sítio A Boa Terra?

O primeiro requisito para ser um distribuidor do Sítio A Boa Terra é ter uma empresa aberta, pois emitimos notas fiscais apenas para pessoas jurídicas. O segundo passo é enviar um e-mail para vendas@aboaterra.com.br , manifestando o interesse pela distribuição das cestas e informando qual cidade e bairros pretende atender. Informar também se pretende realizar o trabalho de distribuição em período integral ou parcial.

Receba em Casa
" Felicidade são pedacinhos de ternura que colho aqui e ali." Cecília Meireles
Sítio A Boa Terra Alimentos Orgânicos - © 2011 Todos os direitos reservados.